PROVIDÊNCIAS IMEDIATAS – Prefeitura de Palmeira dos Índios afasta servidores para apurar fraudes em benefícios sociais

A Prefeitura de Palmeira dos Índios, no Agreste, informou nesta terça-feira (5) que investiga denúncias de que dois servidores do Bolsa Família no município estavam cadastrando pessoas de outras cidades no programa para tentar receber o benefício irregularmente.

Há ainda relatos de que há desvio de conduta de alguns servidores na liberação do auxílio emergencial de R$ 600, concedido a trabalhadores informais, desempregados, MEIs e contribuintes individuais do INSS.

Conforme a assessoria da prefeitura, os dois funcionários foram afastados das suas funções na quinta (30) e vão responder pelos atos em Processo Sindicante, contudo, até a conclusão do processo, eles poderão exercer outros cargos.

A investigação está sendo conduzida pela Procuradoria Municipal, com a colaboração do coordenador do programa, Charles Bezerra.

Após a apuração dos fatos, a sindicância será encaminhada ao Ministério Público do Estado (MP-AL), que ficará a parte das providências cabíveis. (Com G1)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios