Nesta segunda (24) Envelhecimento ativo discute o papel dos suplementos alimentares na imunidade do organsimo

A imunidade é prima-irmã da sua saúde. Quando uma vai bem a outra também vai. Mas, o que fazer para evitar que a imunidade do seu organismo saia do eixo?

Para discutir o assunto, o Grupo de Envelhecimento Ativo da Santa Casa de Maceió (Geasc) debate nesta segunda (24/10) o tema “Imunidade em alta na terceira idade” com o consultor em Marketing José Fernando Marques Sampaio. Em pauta, os suplementos disponíveis no mercado para ajudar nesta missão.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) o Brasil possui cerca de 20 milhões de idosos, público que durante os meses frios sofre com doenças oportunistas que se aproveitam da baixa imunidade. Entre elas estão as doenças respiratórias, como a pneumonia, a DPOC (doença pulmonar obstrutiva crônica), o enfisema pulmonar e a bronquite crônica. Para evitar essas doenças, o sistema imunológico do idoso deve estar forte.

Com a idade, é normal as pessoas ficarem mais vulneráveis e predispostas às infecções. Neste sentido, a grande aliada para manter em alta a imunidade na terceira idade é a alimentação balanceada e, por orientação de profissionais qualificados, os suplementos alimentares. Mas, o que são suplementos alimentares? Quais os suplementos disponíveis. Confira na palestra desta segunda.

O projeto

O Grupo de Envelhecimento Ativo reúne pessoas de qualquer faixa etária interessadas em viver com qualidade de vida ou preparar-se para a fase da vida após os 60 anos.

O projeto é coordenado pelo professor Geraldo Liberal e inspirado pela geriatra Helen Arruda com o apoio de profissionais de diversas áreas e setores da instituição. Os encontros ocorrem sempre às segundas no Centro de Estudos Professor Lourival de Melo Mota.

 

 

 

Theodomiro Jr.
Jornalista | Assessoria de Comunicação
MTE/AL 575

Logo Sta casa

Tel.:(82) 2123.6211

www.santacasademaceio.com.br
Facebook/SantaCasadeMaceió

Link reduzido da notícia (Short Link): http://www.maceio.com.br/D4Ecv