Ponte faz turista de navio andar 280 km para chegar a Natal

ponte-faz-turista-de-navio-andar-280-km-para-chegar-a-natal.jpeg.280x200_q85_crop

O navio MSC Divina, que trará cerca de quatro mil mexicanos ao Nordeste em junho, para os três jogos da seleção do México na Copa (em Natal, Fortaleza e Recife), não poderá atracar na capital potiguar. O transatlântico ficará baseado em Recife, de onde o grupo de mexicanos viajará num comboio de quase 80 ônibus para Natal.

O problema é técnico e inadmissível para uma cidade turística, como Natal. A altura da ponte Newton Navarro é de apenas 55 metros. Um navio como o MSC Divina mede 67 metros e não passa sob a ponte, o que impede a captação de grandes cruzeiros para a capital do Rio Grande do Norte.

Curiosamente, Natal está ganhando um novo terminal marítimo de passageiros, embora a ponte limite a chegada de grandes transatlânticos. Com investimento de R$ 72 milhões, o espaço terá lojas comerciais, restaurante panorâmico e estará apto a receber até três mil passageiros simultaneamente. O problema é que um navio com essa capacidade não pode atracar no porto de Natal.

Link reduzido da notícia (Short Link): http://www.maceio.com.br/si0Zd