USF Ouro Preto apoia projeto esportivo para crianças da comunidade

As atividades são desenvolvidas pela equipe 7 do Núcleo Ampliado de Saúde da Família (Nasf) em parceria com o projeto social América Ouro Preto

Cauã Ferreira, 12 anos, é morador do Ouro Preto e sonha em seguir carreira esportiva. “Eu gosto muito de participar dos treinos do projeto e para realizar meu sonho de ser jogador de futebol eu tenho que treinar muito. Então, toda semana eu estou aqui com meus amigos”, afirma.

Cauã é uma das 100 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social atendidas pelo projeto social América Ouro Preto que, em parceria com a equipe 7 do Núcleo Ampliado de Saúde da Família (Nasf) da Unidade de Saúde da Família (USF) Ouro Preto, leva futebol e ações de saúde para esse público. Na tarde desta terça-feira (28), ocorreu mais um encontro dessa iniciativa.

Cauã Ferreira, 12 anos, participa do projeto social. Foto: Ascom/SMS

Carolina Correia, terapeuta ocupacional do Nasf, conta como nasceu a parceria. “Tínhamos vontade de trabalhar com as crianças da região para tentar uma aproximação maior com suas famílias, então soubemos da existência desse projeto e vimos nisso uma possibilidade de aproximação. Junto com a coordenação do projeto, conhecemos o perfil dessas crianças e suas principais necessidades, tanto de saúde quanto outras demandas”, explica.

Liliane Santos, Juliana Lira e Carolina Correia, profissionais do Nasf. Foto: Ascom/SMS

“Em um primeiro momento, estamos trabalhando temas relacionados à saúde e à medida que os encontros forem acontecendo vamos trabalhar temas mais específicos voltados para as necessidades que cada uma delas apresentar, relacionadas também a seus sonhos e projetos de vida. Aqui também buscamos criar uma ponte entre nossa USF e as famílias dessas crianças, para que nossa equipe conheça as necessidades de saúde dessas pessoas e possa atuar de acordo com as demandas que eles nos apresentarem nesses encontros”, completa Carolina Correia, terapeuta ocupacional do Nasf.

Momento de interação com as crianças. Foto: Ascom/SMS

Já de acordo com o coordenador do projeto América Ouro Preto, David Barros, o projeto tem o intuito de ajudar as crianças a terem perspectiva de vida. “São 100 ou mais crianças de 7 a 14 anos e adolescentes de 15 a 20 que participam do projeto. Aqui buscamos ensinar não só futebol, mas também sobre a vida. Então agradecemos a parceria coma USF, a colaboração que esses profissionais nos dão e que só tem agregado nosso trabalho. Eu me sinto feliz com essa parceria e eles também gostam bastante de participar”, destaca.

David Barros, coordenador do projeto. Foto: Ascom/SMS

O encontro de hoje contou com a participação da terapeuta ocupacional Carolina Correia, da nutricionista do Nasf Juliana Lira e da estagiária Liliane Santos.

Sobre os encontros

Após cada atividade realizada, os profissionais do Nasf conversam com as crianças para observar demandas de saúde que eles podem trazer de maneira espontânea. As atividades junto à USF Ouro Preto ocorrem a cada 15 dias na quadra esportiva em frente a USF. Hoje o tema foi alimentação saudável e eles participaram da dinâmica da “batata quente” com perguntas e respostas sobre alimentação. Ao final, eles receberam frutas de brindes dos profissionais.

Ana Cecília da Silva – Ascom/SMS

Fonte: Prefeitura de Maceió